Posto de Turismo de Linhares da Beira

A Câmara Municipal de Celorico da Beira inaugurou no dia 20 de março o novo Posto de Turismo da aldeia histórica de Linhares da Beira.

Na inauguração presidida pelo Presidente da Câmara Municipal de Celorico da Beira, marcaram presença diversos autarcas, a Presidente da CCDRC Doutora Ana Abrunhosa, entre outros.
Esta nova infra-estrutura, ocupa uma antiga Capela situada nas imediações do Solar da Família Corte Real, onde actualmente funciona a Pousada de 4 estrelas gerida pela Fundação INATEL.
O novo espaço teve um orçamento de 50000€ e é o primeiro Posto de Turismo uniformizado das 12 Aldeias Históricas de Portugal e a ter a imagem que no futuro será comum a todos os outros equipamentos que venham a serão desenvolvidos em torno de todas as Aldeias Históricas.
Refira-se qua a aldeia Histórica de Linhares da Beira tinha um posto de turismo que funcionava na torre de menagem do castelo, mas não era funcional.
O novo posto de turismo foi inaugurado no dia em que a Aldeias Históricas de Portugal – Associação de Desenvolvimento Turístico apresentou a Grande Rota das Aldeias Históricas renovada para dinamizar o turismo e para atrair mais visitantes para os municípios abrangidos.
Este equipamento, pela sua localização, junto da Pousada Inatel, permitirá que os visitantes de Linhares da Beira possam “obter informação fundamental” sobre a aldeia histórica e a região.

(re)Abertura da Pousada INATEL

Teve lugar na passada Sexta-feira,  dia 20 de março a Reabertura da Pousada de Linhares da Beira…

Teve lugar na passada Sexta-feira,  dia 20 de março a Reabertura da Pousada de Linhares da Beira, a qual é explorada pela Fundação INATEL, no seguimento de um protocolo celebrado entre a Câmara Municipal de Celorico da Beira e a Fundação INATEL.
A unidade hoteleira de 4 estrela tem 4 pisos e está dotada de 26 quartos e 3 suites.
Esta Pousada encontra-se inserida na Aldeia Histórica de Linhares da Beira, desfrutando de esplêndidas e únicas vistas para a Serra da Estrela, constituindo uma mais valia para toda a região.

Município de Celorico da Beira adere à «Hora do Planeta»!

O Município de Celorico da Beira irá aderir à “Hora do Planeta”, que se assinala no próximo sábado, dia 28 de março!

O Município de Celorico da Beira irá aderir à “Hora do Planeta”, que se assinala no próximo sábado, dia 28 de março, e convida a população a juntar-se ao movimento cívico contra as mudanças climáticas.
Recorde-se que a “Hora do Planeta” é uma iniciativa do WWF (World Wide Fund for Nature) que teve o seu início no ano 2007 em Sydney, na Austrália, quando cerca de 2,2 milhões de pessoas e mais de 2000 empresas apagaram as luzes durante uma hora, numa tomada de posição contra as mudanças climáticas.
O Evento denominado “Hora do Planeta 2014”, juntará centenas de milhões de pessoas em todo o mundo numa ação simbólica em defesa do Ambiente.
O Município de Celorico da Beira, convida todos os Munícipes a desligarem as luzes das suas residências, empresas, estabelecimentos públicos e privados durante uma hora, no próximo sábado, dia 28 de Março, entre as 20:30 horas e as 21:30.
A Autarquia de Celorico da Beira, associa-se a este evento como forma de também ficar associada a uma causa que é a Defesa do Meio Ambiente, contribuindo desta forma para que o mesmo seja protegido e assim se possa contribuir também, para o desacelerar das mudanças climáticas no Nosso Planeta.

Em Abril iniciam as atividades de desporto sénior a decorrer nos lares e Centros de dia do Concelho

Vai dar inicio no mês de Abril as atividades de desporto sénior a decorrer nos lares e Centros de dia do Concelho.

O desporto para idosos é um projecto com alguns anos, onde damos oportunidade aos idosos do nosso concelho de se divertirem e exercitarem o corpo e a mente. As aulas ocorrem nos lares e centros de dia do nosso concelho.
Existe também em simultâneo um projecto com a universidade sénior, onde os nossos alunos comprovam a sua excelente forma física com aulas nas piscinas municipais.

Exposição fotográfica e documental “Sós e Isolados”, por Ceci de F.

Inaugurada pelo Senhor Vice Presidente da Câmara Municipal de Celorico da Beira Dr. Jose Luis Cabral, uma Exposição fotográfica e documental “Sós e Isolados”, por Ceci de F.

A Fundação S. João de Deus, delegação da Guarda, e o Município de Celorico da Beira, apresentam, até só dia 24 de Abril,no Cinema – Centro Cultural de Celorico da Beira, a exposição fotográfica “Sós e Isolados”, por Ceci de F., fotógrafa natural do Porto, a residir em Espanha.
Além da exposição fotogr…áfica, onde vários idosos do distrito da Guarda têm o papel principal, serão também apresentados os resultados dos primeiros 9 meses do programa “Somos por Si”.
A Fundação S. João de Deus pretende sensibilizar, através desta exposição, para o problema do isolamento social e geográfico no Distrito da Guarda, e dar também a conhecer as respostas que tem para oferecer para este problema.
A fotógrafa Cecília de Fátima resolveu documentar a vida de pessoas com mais de 65 anos que vivem sós e isolados . O Sr. F. e a Sr.ª A. têm uma idade próxima dos 75 anos e vivem numa quinta de uma aldeia do concelho de Seia. O acesso só é possível a pé e a casa não tem luz elétrica, água canalizada ou casa de banho. Sós e isolados, são palavras que descrevem bem o dia-a-dia do casal. Não são revelados os nomes dos fotografados para os proteger de eventuais criminosos, mas não é pela ausência do nome que os relatos perdem força.
O objetivo do trabalho é sensibilizar a população para o quotidiano a as condições de vida dos idosos que vivem em situações de isolamento por todo o país.
A fotógrafa do Porto vai continuar a trabalhar no projeto, em busca de mais de mais idosos e para enquadrar cada história nas quatro estações do ano.
Além disso, a exposição é acompanha por dois cartazes com informação do projeto “Somos por si”, os quais informam o número de pessoas idosas acompanhadas pelo projeto e os objetivos atingidos, e mais alguma informação sobre a Fundação S. João de Deus, promotora de mesmo.

EstrelAçor UltraTrail 2015

Decorreu entre os dias 4 e 6 de Setembro a primeira edição do EstrelAçor UltraTrail que reuniu cerca de 150 participantes na alteia de Linhares da Beira.Distribuídos por 4 distâncias (180k, 50k, 22k e Caminhada de 15k), os participantes tiveram oportunidade de atravessar os trilhos das belas Serras da Estrela e do Açor numa das provas de Trail mais desafiantes e duras do nosso país.
 
Esta edição teve como principal atração a prova-rainha de 180k, com quase 30 atletas corajosos colocarem-se à prova neste grande desafio.
 
A organização do evento esteve a cargo da Fundação INATEL e da Associação Desportiva O Mundo da Corrida e, passado alguns dias da data de realização, podemos afirmar que o feedback dos participantes é extremamente positivo, onde destacamos as palavras do vencedor da primeira edição Luís Mota no facebook da prova “Foi a primeira edição de um evento que, pela qualidade, dureza e beleza da região, associado a uma elevada qualidade organizativa, brevemente, será uma das mais concorridas de Portugal.”
 

Aldeia Histórica de Linhares da Beira acolheu o XI Festival Nacional de Parapente

De 14 a 16 de agosto, a Aldeia Histórica de Linhares da Beira acolheu o Festival Nacional de Parapente…

De 14 a 16 de agosto, a Aldeia Histórica de Linhares da Beira acolheu o Festival Nacional de Parapente, um evento cujo sucesso foi sentido a toda a linha, tendo contribuído para que Linhares da Beira afirme ainda mais como a Capital do Parapente no nosso País.
Durante os três dias de provas, foi batido o record nacional absoluto feminino de distancia, tendo sido alcançada a distancia de 215 Km, ligando a Aldeia Histórica de Linhares da Beira e Cáceres (Espanha).
Em termos de avaliação, o XI Festival Nacional de Parapente proporcionou mais um momento alto para a modalidade, assim como foi um evento de índole desportivo bastante importante para a promoção da Aldeia Histórica de Linhares da Beira, assim como o Concelho de Celorico da Beira e o seu vasto património.
Para o próximo ano, Linhares da Beira espera acolher outros “voos”, principalmente com a previsão da realização de duas importantes provas mundiais.

Ceia Medieval em Celorico da Beira

Realizou-se em Celorico da Beira uma Ceia Medieval, cujo palco escolhido, o Largo de Santa Maria situado em pleno Centro Histórico de Celorico da Beira se encheu para acolher cerca de 200 pessoas

Realizou-se em Celorico da Beira uma Ceia Medieval, cujo palco escolhido, o Largo de Santa Maria situado em pleno Centro Histórico de Celorico da Beira se encheu para acolher cerca de 200 pessoas.
A Autarquia de Celorico da Beira, na senda do que tem sido a sua acção no desenvolvimento de actividades culturais, decidiu realizar esta actividade que procurou recrear o ambiente medieval.
Esta iniciativa ficou pautada pela boa disposição, onde os comensais foram trajados à época, ostentando trajes medievais, retratando fielmente a nobreza, burguesia, clero e o povo.

Caminhada – Celorico da Beira a Maceira (Fornos de Algodres)

No âmbito do Passaporte Caminhadas por Vales e Serras realizou-se no dia 7 de Junho uma caminhada entre as freguesias de Celorico da Beira e Maceira (Fornos de Algodres).

No âmbito do Passaporte Caminhadas por Vales e Serras, implementado pelo Município de Celorico da Beira, realizou-se ontem (dia 7 de Junho) uma caminhada que teve como objectivo principal unir as freguesias de Celorico da Beira e Maceira (Fornos de Algodres).
O percurso que agora se pretende percorrer, corresponde em grande medida ao reativar de um antigo trajeto de uma via milenar que passando por Celorico da Beira se dirigia e passava por Maceira.
Participaram várias dezenas de caminhantes, Célia Santos representou a União de Freguesias de Celorico da Beira, o Executivo da Junta de Freguesia de Maceira também marcou presença, assim como o Chefe de Gabinete do Presidente da Câmara Municipal de Celorico da Beira Dr. José Albano.
O percurso delineado representa um grau de dificuldade média, tendo cerca de 15 Km de extensão.

SARAU CULTURAL 2015 – UNIVERSIDADE SÉNIOR DE CELORICO DA BEIRA

No dia 6 de Junho teve lugar no centro Cultural o sarau de encerramento do ano letivo da Universidade Senior de Celorico da Beira.

No dia 6 de Junho teve lugar no centro Cultural o sarau de encerramento do ano letivo da Universidade Senior de Celorico da Beira. Canções, danças, poesia, rábulas teatrais, num espetáculo do agrado de todos quantos assistiram. O empenho e a dedicação de alunos e formadores estiveram patentes numa noite que a todos divertiu! Parabéns!
 

Celorico SPORTS FEST, um verdadeiro sucesso!

O Município de Celorico da Beira comemorou no passado sábado, dia 23 de maio o Feriado Municipal com um vasto programa de cariz desportivo, cultural e recreativo.
Durante o Fim de Semana, nos dias 23 e 24 de maio, a Câmara Municipal organizou a primeira edição do “Celorico Sports Fest”, que terminou com um sucesso a toda a linha.
O vasto programa incluiu ainda a tradicional homenagem ao piloto aviador Artur de Sacadura Cabral, um ilustre Celoricense que trouxe outros caminhos para o mundo, com a viagem transatlântica em conjunto com Gago Coutinho.
Neste mesmo dia, teve início a “Celorico Sports Fest 2015”, cuja cerimonia oficial de inauguração se deu pelas 12:00, com a presença do Senhor Presidente da Câmara Municipal de Celorico da Beira, Eng. José Monteiro, do Senhor Vice-Presidente da Câmara Dr. José Luís Cabral, da Senhora Vereadora Drª Maria do Céu Louro, do Senhor Vereador Dr. Manuel Portugal, Autarcas, convidados, atletas e público em geral.
A comemoração do Feriado Municipal de Celorico da Beira iniciou-se pelas 10h15, nos Paços do Concelho, com o Hastear da Bandeira, contando com a presença da Banda Filarmónica “Os Bazófias” de Vale de Azares e dos Bombeiros Voluntários de Celorico da Beira.
De seguida decorreu uma cerimonia  de homenagem às colectividades desportivas do concelho de Celorico da Beira, assim como aos diversos atletas que se destacaram durante o ultimo ano.
Às 11h15 a autarquia prestou uma homenagem a Sacadura Cabral (23 de maio de 1881 – 15 de novembro de 1924), na Praça Sacadura Cabral, seguindo-se, uma hora depois, a abertura oficial da Celorico Sports Fest 2015, um evento que pretendeu incentivar a prática desportiva e dar a conhecer diversas modalidades desconhecidas do grande público.
Durante os dois dias do certame, foram divulgadas diversas modalidades como zumba, “body combat”, “cross training”, “stretching”, kizomba, “bokwa”, karaté, “keys”, boccia, basquetebol e futebol, entre outras. O programa do evento também contemplou a realização de oficinas, seminários, conferências, uma caminhada e uma feira de produtos desportivos, assim como a realização de um workshop com o conhecido bailarino Fábio Januário.
Importa frisar de que a “Glow Party” que teve lugar no sábado à noite, evento único na região, constituiu o ponto alto da “Sport Fest”!
O Concelho e a Região ficaram rendidos a esta iniciativa, pois foi sem sombra de duvida uma importante demonstração de que mesmo em tempos de crise é possível organizar eventos que vão ao encontro das reais necessidades das pessoas, contribuindo para a sua forma física, consequente salubridade mental, o que nos dias de hoje se reflecte na preocupação diária de todas as pessoas, contribuindo também para a quebra do sedentarismo.

Caminhada Rota do Património

A Câmara Municipal de Celorico da Beira continua a bom ritmo a organizar caminhadas que contribuam para um maior conhecimento do património…

A Câmara Municipal de Celorico da Beira continua a bom ritmo a organizar caminhadas que contribuam para um maior conhecimento do património, assim como incentivar o convívio e interajuda entre os participantes, desta vez foi a Freguesia de Fornotelheiro que acolheu os 154 participantes na a Rota do Património, realizada ontem, dia 19 de Abril.
A caminhada começou em Celorico da Beira, mais propriamente em frente à Câmara Municipal de Celorico da Beira pelas 09:00.
Pelas 10:30, foi servido um reforço alimentar junto de património histórico em cima de calçada romana!
A chegada ao Fornotelheiro foi pelas 13:00, culminando com um almoço convívio.
O regresso a Celorico da Beira deu-se pelas 14:30 de autocarro para todos os caminhantes!
Os agradecimentos à Junta de Freguesia do Fornotelheiro e à Associação Desportiva e Cultural do Fornotelheiro, pela colaboração prestada e que só assim o sucesso da caminhada foi garantido a toda a linha.

FESTIVAL DA CASTANHA 2014

O Dia 8 de Novembro foi dominado pela realização da VII edição do Festival de Castanha na Freguesia de Prados.

Apesar de ser um ano de pouca produtividade a Castanha não faltou e gente que apesar das condições atmosféricas não terem sido as mais favoráveis, não quiseram deixar de se deslocar á Freguesia de Prados com a finalidade de participar na animação proporcionada pelos grupos musicais, assim como degustar iguarias confeccionadas com castanha, assim como também participarem no Magusto e provarem a jeropiga.
Há cerca de sete anos atrás, quando ninguém apostava na divulgação da Castanha, o Município de Celorico da Beira e a Junta de Prados, arregaçaram mangas e implementaram o Festival de Castanha.
Ao Povo de Prados interessa a divulgação da sua Freguesia, bem como da Castanha, ao Município e Junta de Freguesia as centenas de pessoas que visitam o Concelho nesse dia, nunca tendo sido apanágio da organização conquistar títulos, mas sim como Celoricenses divulgar o nosso património, os nossos costumes e a nossa história. Parabéns a todos que contribuíram para o sucesso de mais um evento.

8ª Edição do Festival do Borrego, encerra com Saldo bastante positivo

O Município de Celorico da Beira, em parceria com a Confraria do Borrego, levou a cabo mais uma edição do Festival do Borrego, que decorreu de 25 de Outubro até o dia 2 de Novembro.
O Festival teve o seu inicio no dia 25 de Outubro na Freguesia da Carrapichana, onde foi transmitido para todo o mundo durante seis horas, o Programa da RTP “Aqui Portugal”, o qual trouxe bastantes artistas a esta Freguesia, assim como deu a conhecer os usos, costumes, tradições e potencialidades possíveis de atração de Turistas.
Por sua vez, o Roteiro Gastronómico atraiu muitos apaixonados por esta iguaria a Celorico da Beira, que durante uma semana se puderam deliciar pelos Restaurantes aderentes e que cozinharam Borrego Serra da Estrela certificado.
É de salientar que esta edição do Festival do Borrego em Celorico da Beira, bateu os recordes de edições anteriores de consumo de Borrego.

Feira do Queijo 2014 – Capital do Queijo Serra da Estrela

Feira do Queijo 2014 – Capital do Queijo Serra da Estrela

A edição da Feira do Queijo de Celorico da Beira – Capital do Queijo Serra da Estrela, decorreu de 28 de Fevereiro a 3 de Março de 2014, no Mercado Municipal de Feiras e Exposições de Celorico da Beira, um espaço renovado, com a Gastronomia a ter um lugar de destaque, com o “Cantinho do Petisco”, que constituiu uma inovação, com o propósito de serem confecionados petiscos pelos Restaurantes aderentes do Concelho dentro do espaço da feira, tendo como ingrediente obrigatório o Queijo Serra da Estrela.
Ainda na área da restauração foi lançado um projeto “ O Guia dos Sabores” que é composto pelo Restaurantes aderentes ao Roteiro Gastronómico do Queijo, onde o Queijo fez parte obrigatória e integrante da ementa.
O objetivo principal da Feira do Queijo de Celorico da Beira, foi fazer jus ao epiteto há muito granjeado como sendo o Concelho de Celorico da Beira a “Capital do Queijo Serra da Estrela” e centra-se na promoção do Produto “Rei”, que é o Queijo Serra da Estrela, promovendo o Produto e os Produtores, os quais mereceram lugar de destaque na Feira, uma vez que são eles os principais Atores desta iguaria sem igual, tendo sido conseguido o objetivo na sua plenitude.

Município de Celorico da Beira associa-se à comemoração do Dia dos Namorados

Município de Celorico da Beira associa-se à comemoração do Dia dos Namorados

O Dia 14 de Fevereiro é por tradição o dia dos Namorados, onde se comemora, vive e revive o amor entre casais.
O Município de Celorico da Beira, não quis deixar de passar esta data tão marcante, assinalando-a com a organização de um Jantar no Restaurante “Lagar Municipal – Centro de Investigação Municipal”!
Recorde-se que esta data também chamada de Dia de S. Valentim remonta a um obscuro dia de jejum tido em homenagem a São Valentim. A associação com o amor romântico chega depois do final da Idade Média, durante o qual o conceito de amor romântico foi formulado.
O bispo Valentim lutou contra as ordens do imperador Cláudio II, que havia proibido o casamento durante as guerras acreditando que os solteiros eram melhores combatentes.
Considerado mártir pela Igreja Católica, a data de sua morte – 14 de fevereiro – também marca a véspera de “Lupercais”, festas anuais celebradas na Roma antiga em honra de Juno (deusa da mulher e do matrimónio) e de “Pan” (deus da natureza). Um dos rituais desse festival era a “passeata da fertilidade”, em que os sacerdotes caminhavam pela cidade batendo em todas as mulheres com correias de couro de cabra para assegurar a fecundidade.
É de salientar o profissionalismo e afinco dos funcionários do Município e da EMCEL, que tornaram esta refeição inesquecível!

Município de Celorico da Beira adere ao Programa Garantia Jovem.

Município de Celorico da Beira adere ao Programa Garantia Jovem.

Perante o elevado nível de desemprego jovem em Portugal, o Município de Celorico da Beira aderiu ao Programa Garantia Jovem com o objetivo de apoiar todos os jovens com menos de 30 anos a beneficiarem de uma boa oferta de emprego, formação permanente, aprendizagem ou estágio, no prazo de quatro meses após terem ficado desempregados ou terem terminado o ensino formal.
Mais informações em:http://www.garantiajovem.pt/

Requalificação da EN 16

Autarquia de Celorico da Beira, executa requalificação da EN 16, numa aposta clara de melhorar as vias de acesso a Celorico da Beira, investindo cerca de um milhão de euros.

Encontram-se neste momento a decorrer obras de beneficiação, da Estrada Nacional N. 16, junto das Freguesias da Ratoeira e Lageosa do Mondego, um investimento de cerca de um milhão de euros comparticipado a 85% pelo Programa Operacional + Centro, sendo o restante suportado pela Autarquia.
Estas obras, podem causar certos constrangimentos em termos de tráfego, principalmente em dias em que as condições atmosféricas são adversas.
A empreitada em causa integra-se numa candidatura designada por “Beneficiação da Rede Viária no Concelho de Celorico da Beira”, na medida em que as atuais vias principais sofreram acelerada degradação dos pisos por imperativo da introdução de portagens na A25, que fez com que muitas viaturas procurassem vias alternativas.
Procurou-se através da hierarquia e estrutura da rede viária na zona de intervenção, estabelecer um padrão de acessibilidades e uma demarcação das zonas, consoante o seu estado atual de ocupação que será o mesmo após a intervenção da beneficiação.
Assim sendo, foi proposto, a pavimentação em betão betuminoso, melhoramento das condições de drenagem e execução de sinalização vertical e horizontal, contribuindo assim, para a diminuição da sinistralidade rodoviária, melhorando a segurança e a qualidade de serviço prestado às populações locais e aos visitantes. As necessidades de mobilidade aumentam de forma exponencial, em consequência da valorização e do desenvolvimento económico e social.
As intervenções inerentes a este projeto, visam promover a segurança e reduzir a sinistralidade rodoviária, bem como a coesão e qualificação regional, reforçando a competitividade empresarial e articulação inter-regional.
Deste modo, dado que a atual estrutura viária apresenta um perfil transversal uniforme condicionado apenas pelo seu estado de degradação, nomeadamente quanto ao traçado, houve o cuidado de manter o existente.
Optou-se pela solução definida no projeto de forma a evitar expropriações de terrenos e de modo a que a proposta se enquadrasse nos limites atuais da via.
Serão tidas em atenção as pré-existências, devendo ser mantidos os passeios existentes, designadamente na Ratoeira e Lageosa do Mondego, procedendo à reparação de pequenos troços que se encontrem danificados.
A beneficiação desta via incide fundamentalmente no reforço da pavimentação da faixa de rodagem devido ao seu estado de degradação, bem como definição da sinalização de segurança (vertical e horizontal) e drenagem de águas pluviais em toda a sua extensão.  
Na zona dos nós com a A25, no 1º nó (acesso à A25, sentido Vilar Formoso – Aveiro) será construída uma rotunda de forma a regular e disciplinar o trânsito. Quanto ao outro nó, propõe-se que se mantenha como atualmente, substituindo apenas o pavimento.
A ciclovia desenvolve-se desde o início da obra (rotunda da Cova da Areia) até ao entroncamento – acesso à Quinta das Campanárias (Lageosa do Mondego), registando-se algumas interrupções, decorrentes da largura disponível da plataforma.
A referida ciclovia e placas centrais serão em betonilha pigmentada à cor vermelha e serão rebaixadas nas zonas de entrada de garagens e passagens para peões, dando deste modo cumprimento às regras de mobilidade e acessibilidade.
Na freguesia de Lageosa do Mondego, entre os “PK 4 + 297” (junto ao Café Restaurante Tó-Zé) e o “PK 4 + 879” (fim da ponte sobre a Ribeira da Cabeça Alta), a pavimentação será efetuada com recurso a cubos de granito, encontrando-se este pavimento a uma cota superior à do betuminoso (calçada sobre – elevada). Neste troço, estão propostas passagens para peões, utilizando como material o calcário.
Na restante extensão, as passagens para peões, serão pintadas, sobre o betuminoso.
Apresenta-se em anexo excertos de alguns troços exemplificativos do traçado e respetivos perfis transversais – tipo.  
O Município de Celorico da Beira, apesar de todas as dificuldades que tem, está a fazer uma aposta clara no investimento, permitindo melhorar as vias de acesso, com o intuito de quem circule possa “evitar” às portagens das auto-estradas.
O Município de Celorico Beira, ciente dos normais constrangimentos causados pela referida obra, solicitou uma reunião no dia 03 de Janeiro do corrente ano ao Secretário de Estado das Obras Publicas, Transportes e Comunicações, no sentido de o Município expor alguns dos constrangimentos que se estão a verificar devido às referidas obras de beneficiação, propondo que caso não existam alternativas viáveis para circulação, que se suspenda a cobrança de portagens resultantes da utilização do troço A25 (pórtico GALP – Ratoeira), durante o período em que as obras de beneficiação decorrerem, tendo este mesmo pedido sido reiterado a 5 de Fevereiro.

Celorico da Beira comemora o Natal!

Depois do sucesso alcançado no ano anterior, o Município de Celorico da Beira, irá pelo segundo ano consecutivo levar a cabo diversas iniciativas que visam a comemoração do Natal, assim como, implementar diversas iniciativas que têm como objectivo a dinamização do Comércio Local no Concelho de Celorico da Beira.

Para o efeito, estão a ser preparadas diversas actividades, tais como:
Casa do Pai Natal, que pretende recriar no imaginário de todos os visitantes a casa desta ilustre personagem, onde todos são convidados a desfrutar de um ambiente familiar, acolhedor com um espaço para as crianças poderem “escrever” ao Pai Natal, assim como, saborear deliciosas guloseimas.
Mega Presépio, onde estão representadas as principais personagens que compõem o Presépio. O Presépio encontra-se patente no largo de S. Pedro e poderá ser visitado por todos.
Feira do Livro, que decorrerá até ao dia 23 de dezembro e que permitirá a aquisição de diversos livros com descontos bastante significativos.
Feira de Artesanato, que decorrerá no Mercado Municipal nos dias 20 e 21 de dezembro e que visa a venda de produtos artesanais.
Workshop “Tecnicas de Decoração de presentes de Natal”, dia 1 de Dezembro, às 20h, no Cinema Centro Cultural, destinado aos Comercios Locais. Esta ação é promovida em colaboração com a Associação Empresarial do Nordeste da Beira e irá servir de preparação para um Natal especial nos nossos comercios!
I CONCURSO “ Presépios e Arvores de Natal em Celorico da Beira”
O Município de Celorico da Beira, irá levar a efeito o 1º concurso de enfeites “Presépios e Árvores de Natal” de rotundas/espaços verdes (Jardim de Santa Eufémia), da Vila de Celorico da Beira, na época natalícia.
 Para o efeito, será lançado um Concurso que terá como objetivo principal, sensibilizar os alunos das Escolas do Concelho, assim como, a população em geral para as questões ambientais, incentivando a criatividade e originalidade, recorrendo à reutilização de materiais reciclados, contando com o envolvimento da Comunidade Local, reconhecendo e premiando projetos inovadores, Embelezando a Vila na quadra Natalícia.
 Os trabalhos serão posteriormente colocados em Exposição no Jardim de Santa Eufemea, nas Rotundas e os Presépios no Cinema Centro Cultural (dependendo da dimensão).
 O processo de eleição do melhor trabalho será realizado entre os dias 15 de dezembro de 2014 e 5 de janeiro de 2015 (até as 17h00), por um júri.
 A avaliação terá em consideração o valor artístico da criação, impacto visual, utilização de materiais recicláveis e enquadramento no meio onde estiver inserido;
 Os resultados do concurso serão dados a conhecer publicamente após a reunião decisória do júri, que terá lugar na segunda semana de janeiro de 2015.
 Todos os concorrentes recebem diploma de participação no concurso.
 Cada concurso – Presépios (2) e árvores de Natal (1) – contempla a atribuição de 3 classificações: 1º, 2º e 3º Prémios, cujo pagamento será efetuado ao respetivo Agrupamento, IPSS, Associação ou Junta de Freguesia:
 1º Classificado – prémio de valor até 50 €
2º Classificado – prémio de valor até 25 €
3º Classificado – prémio de valor até 15 €
Todos os trabalhos serão divulgados/expostos no síte da Câmara Municipal de Celorico da Beira.
 O Regulamento está disponível no Sitio de Internet do Município de Celorico da Beira em: www.cm-celoricodabeira.pt
É de salientar os inúmeros descontos proporcionados aos portadores do Cartão de descontos “+ Comércio + Celorico”, que permitem a fidelização do consumidor ao Comercio Local.
Este ano a Edição de Natal 2014, Natal é em Celorico, irá contar com uma nova aposta, desta feita no Comercio solidário.
O Projeto “Solidário Natal”, tem como parceiro a Associação Comercial da Guarda e consiste na recolha de bens alimentares que posteriormente serão distribuídos pelas famílias mais carenciadas ou que temporariamente atravessam algumas dificuldades, por forma a atenuar algumas carências nesta época natalícia.
Nesta iniciativa irão estar envolvidas todas as coletividades que se queiram associar, a população e o Comercio Local onde a recolha se irá efetuar.
As famílias vivem nesta época Natalícia momentos únicos onde os laços de solidariedade e fraternidade atingem o seu expoente máximo, motivo pelo qual, temos uma obrigação de ajudar todos a poderem ter um Natal Especial.
Durante as actividades, diversas surpresas surgirão, existirá música ambiente pelas ruas da Vila e animação diária constante.
Refira-se o enorme sucesso alcançado com a primeira edição realizada do “Natal é em Celorico”, o qual originou que outras autarquias este ano desenvolvam também elas atividades semelhantes, tendo como finalidade comemorar o Natal, assim como ajudar ao desenvolvimento do Comércio Local.

Concurso de Sopas de Couve de Natal

Depois do sucesso alcançado com a primeira edição do Festival / Concurso de Sopas de Couve de Natal, organizado pelo Município, com a colaboração da União de Freguesias de Celorico da Beira, a Autarquia entregou os respetivos Prémios:
1º Classificado: Associação de Melhoramentos C. D. R. da Velosa – Sopa de Natal
2º Classificado: Associação D. R. e Cultural de Fornotelheiro – Sopa da Pedra
3º Classificado: União de Freguesias de Celorico da Beira – Sopa de Natal à Celoricense