Celorico Jazz & Blues Fest 2019

O Castelo de Celorico da Beira, recebeu durante 3 noites, entre 9 e 11 de agosto, o 1º Festival Internacional de Jazz & Blues. A abertura do festival aconteceu no dia 9 de agosto, com o grupo Low Bay Hot Band e a artista espanhola, Diana Tarin. A música continuou pela noite dentro, com a arte e criatividade do DJ Joe Zagallo. O segundo dia foi da responsabilidade da banda portuguesa Minnemann Blues Band. O DJ Bóinas prolongou o momento musical para os mais resistentes. O cantor e compositor brasileiro, André Rio, encerrou o festival, no dia 11 de agosto, com o reportório de música pernambucana, que tem vindo a difundir pela europa.

O 1º Festival Internacional de Jazz e Blues de Celorico da Beira, tem como principal objetivo, trazer movimento, dinâmica e revitalização ao centro histórico da vila. Pela sonoridade e os ritmos quentes do jazz e blues esperam-se três noites (sexta, sábado e domingo), de grande animação e envolvência feérica no centro histórico.

O jazz e o blues, são ritmos musicais provenientes de África mas, é o continente americano o responsável pela sua projeção no mundo. O jazz e o blues foram os responsáveis pela revolução musical que se operou no séc.XX, no continente americano e, posteriormente, no resto do mundo. Pela pulsação do seu ritmo e pela irreverência das suas guitarras, este género musical tem vindo a granjear adeptos por todo o mundo.

Caminhada Noturna

A vila de Celorico da Beira recebeu no passado sábado ao início da noite mais uma caminhada, esta noturna. Dezenas de participantes caminharam pelos trilhos propostos, uma viagem pela história e pelo património do concelho.

Os participantes foram desafiados a percorrer um itinerário circular com cerca de 12 quilómetros, de dificuldade média/baixa.

Esta iniciativa, insere-se numa das 12 caminhadas programadas pela Câmara Municipal de Celorico da Beira, no âmbito do projeto “Passaporte Caminhadas por Vales e Serras”, que tem como objetivo incentivar a prática da atividade física e, simultaneamente, promover e valorizar o património cultural e natural do concelho.

 

ESCOLA DE PASTORES

Se é um/a jovem em idade ativa e, quer dedicar-se à produção de leite ou à laboração de queijo com DOP (Serra da Estrela, Beira Baixa, Rabaçal), pode inscrever-se na Escola de Pastores, até ao dia 23 de agosto de 2019.

Sob a coordenação dos Institutos Politécnicos de Castelo Branco e de Viseu, a Escola de Pastores surgiu integrada no Programa de Valorização da Fileira de Queijos da Região Centro, com o intuito de qualificar os jovens e dotá-los de conhecimentos e competências necessárias para o exercício da atividade, de forma profissional e rentável, contribuindo desta forma, para o reforço e rejuvenescimento da atividade na região.

O curso, de componente mais prática que teórica, arranca a 23 de setembro e tem uma duração de 4 meses.

A candidatura ao curso habilita-o/a a um prémio “Vale Pastor” de 5 000€.

Escola de Verão da Fundação Francisco Manuel dos Santos

Encontram-se abertas até dia 7 de Agosto, as candidaturas para a Escola de Verão da Fundação Francisco Manuel dos Santos, que irá decorrer entre 10 e 15 de Setembro, de forma gratuita*, em Lisboa.

Durante estes 6 dias os participantes terão a oportunidade de:

  • Conversar com o Professor Arlindo Oliveira, Presidente do Instituto Superior Técnico, sobre os desafios da Inteligência Artificial
  • Reflectir sobre o panorama das Migrações em Portugal com Dr. Vasco Malta, Director do Departamento de Relações Internacionais, Política Migratória e Captação de Migrantes, do Alto Comissariado para as Migrações
  • Desenhar soluções para um planeta mais sustentável com um especialista no tema
  • Realizar actividades lúdicas como construção de robots, aula de kayak no rio Tejo, visitas guiadas, entre outras
  • Entrada e participação no Encontro “O Futuro do Planeta”, que irá decorrer nos dias 14 e 15 de Setembro, no Parques das Nações.

* Os custos de alojamento, deslocação e alimentação são assegurados pela Fundação Francisco Manuel dos Santos.

Aceitam-se candidaturas de alunos que estejam a frequentar o 11º e 12º ano de escolaridade no ano lectivo de 2019/2020. Os interessados devem enviar um vídeo (máx. 2 min.) ou uma carta de motivação (máx. 1 página word) para mbarreiros@ffms.pt até ao dia 7 de Agosto de 2019.

Para mais informações: https://www.ffms.pt/conferencias/detalhe/3961/escola-de-verao-da-fundacao

Visitas Guiadas Encenadas ao Centro Histórico de Celorico da Beira

Decorreu neste sábado, 3 de agosto, ao início da noite, a primeira visita encenada ao centro histórico da vila de Celorico da Beira, onde os participantes puderam viajaram pelo mundo da história da vila, ficando a conhecer in loco, de uma nova perspetiva e de forma interativa, o património e os acontecimentos que marcaram a História de Celorico da Beira ao longo do tempo.

Esta iniciativa, promovida pelo Município de Celorico da Beira, insere-se no projeto “Cultura em Rede das Beiras e Serra da Estrela”, que abrange os 15 Municípios da Região, liderado pela Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela com a colaboração da Associação de Municípios da Cova da Beira, estando a encenação a cargo da Associação Hereditas.

Sintonias Serranas foi apresentado em Celorico da Beira

A Praça da República foi palco de um espetáculo visual e sonoro integrado no programa “Cultura em Rede”, promovido pela CIM-BSE – Comunidade Intermunicipal Beiras e Serra da Estrela, com o intuito de animar os centros históricos e urbanos dos municípios que constituem esta comunidade.

Em Sintonias Serranas, espetáculo que alia música, voz, imagens em movimento e coreografias, os espetadores tiveram a oportunidade de ver em palco celoricenses (voluntários), a interpretar melodias e canções de todos os tempos.

“Cultura em Rede das Beiras e Serra da Estrela” é um projeto lançado pela Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela, com o objetivo de consolidar uma rede territorial e institucional vocacionada para a projeção e divulgação do território e da sua identidade, fortemente alicerçada na promoção da cultura e do turismo cultural, cofinanciado pelo Centro 2020, Portugal 2020 e União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

O projeto está direcionado para a animação dos centros históricos e urbanos da região e consiste num espetáculo de dança, música e teatro em cada um dos 15 municípios que integra esta Comunidade Intermunicipal.

A iniciativa “Sintonias Serranas” pretende divulgar e promover uma performance artística, enquadrada numa linguagem musical, realizada em parceria com a companhia Coruja do Mato, na qual participam os residentes dos concelhos de Gouveia, Celorico da Beira, Manteigas, Fornos de Algodres e Seia, que através de melodias e canções irão despertar a memória afetiva e descrever vivências e hábitos locais.

 

5ª etapa da Volta a Portugal em Bicicleta 2019 – Meta volante em Celorico da Beira

Na próxima segunda feira, dia 5 de agosto, Celorico da Beira recebe a passagem da 5ª etapa da 81ª Volta a Portugal em Bicicleta.

A principal corrida do calendário nacional terá um momento de passagem em Celorico da Beira, com uma meta volante, às 16h29, na rua Sacadura Cabral.

A 5ª etapa corre-se entre Oliveira do Hospital e a Guarda, às 16h09 passagem na freguesia de Linhares da Beira, às 16h10 na Carrapichana, às 16h18 na N17 – Cortiçô da Serra, às 16h25 em Celorico da Beira, e a meta volante na Rua Sacadura Cabral, às 16h29, seguindo o pelotão em direção à Ratoeira, Lajeosa do Mondego, com término na Guarda.

A Volta a Portugal 2019 começou no dia 31 de julho com o prólogo em Viseu, a cidade de Porto irá receber a grande final desta prova desportiva, a 11 de Agosto.

Mais informações em:
https://www.volta-portugal.com/etapas/5%C2%AA-etapa/

Aviso à População | Perigo de Incêndio Rural

De acordo com o Aviso emitido pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, verifica-se no distrito da Guarda, entre os dias 30 e 31 de julho um aumento gradual do risco de incêndio, com condições favoráveis à sua rápida propagação.

Perante as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera de tempo seco, recomenda-se a adoção de medidas preventivas e a adequação dos comportamentos e atitudes face à situação de perigo eminente de incêndio rural.

Férias Desportivas 2019

Mais de meia centena de crianças e jovens dos 8 aos 16 anos participaram nas Férias Desportivas 2019, uma iniciativa criada pelo Município de Celorico da Beira e que ocupou os tempos livre de várias crianças nas Férias de Verão.

Este é um programa que à semelhança dos anos anteriores pretende ocupar o tempo livre dos mais novos de forma divertida e dinâmica, longe dos sofás e dos jogos de computador. Em cada dia há atividades diferentes que vão variando para agradar o gosto de todos.

Ao longo do mês de julho, o Município de Celorico da Beira guiou cerca de 50 crianças e jovens por um roteiro de atividades de verão. Unir o desporto, o lazer e a cultura foi o grande objetivo da autarquia, para que no fim as férias fossem uma verdadeira festa.

Estratégia de Habitação Local de Celorico da Beira

Melhores condições de habitabilidade, de conforto e dignidade habitacional, são estes os objetivos que a Câmara Municipal de Celorico da Beira em colaboração da Universidade de Aveiro, pretende criar e melhorar as condições de vida dos celoricenses. Neste intuito têm-se realizado reuniões de trabalho com vários agentes sociais, desde presidentes de juntas de freguesias, IPSS’s, GNR, IEFP entre outros, no âmbito da Estratégia Local de Habitação de Celorico da Beira.

Através do Programa de Apoio ao Acesso à Habitação, 1.º Direito, destinado a pessoas que vivem em “habitações indignas” e sem capacidade financeira, a Câmara Municipal de Celorico da Beira criou uma equipa, que terá entre outros objetivos, identificar e tipificar situações de famílias a residir no concelho, em contextos de habitação indigna, de forma a apoiar os munícipes de menores recursos, considerados como segmentos da população mais vulnerável.

 

Aviso à População | Perigo de Incêndio Rural

De acordo com o Aviso emitido pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, verifica-se no distrito da Guarda, entre os dias 24 e 25 de julho um aumento gradual do risco de incêndio, com condições favoráveis à sua rápida propagação.

Perante as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera de tempo seco, recomenda-se a adoção de medidas preventivas e a adequação dos comportamentos e atitudes face à situação de perigo eminente de incêndio rural.

Programa “Aldeias Seguras, Pessoas Seguras”

Pela sua aldeia. Pela sua família.

Pelos seus amigos e vizinhos.

Por quem conta consigo. Portugal chama!

Alerte para comportamentos de risco.

Colabore com o seu oficial de segurança local.

Conheça o seu refúgio e abrigo coletivo.

Saiba mais sobre o Programa “Aldeias Seguras, Pessoas Seguras” na sua Câmara Municipal ou Junta de Freguesia ou em portugalchama.pt

Prepare-se e proteja-se dos incêndios.

Por si. Por todos.

Para mais informações consulte: www.prociv.pt

Portugal chama. Por Si. Por Todos.

Se o risco é máximo, cuidado máximo.

Com máquinas em labor leve capacete e extintor.

Não faça queimas nem queimadas a não ser autorizadas.

Ajude a manter o país verde.

Cuidado. Mais de metade dos incêndios em Portugal foram queimas que correram mal.

Não lance foguetes antes, durante nem depois da festa.

Cuidado. Todos os anos há vítimas mortais em queimas e queimadas rurais.

Em caso de incêndio ligue 112 e acate as recomendações das autoridades.

Aviso à População | Perigo de Incêndio Rural

De acordo com o Aviso emitido pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, verifica-se no distrito da Guarda, entre os dias 19 e 21 de julho um aumento gradual do risco de incêndio, com condições favoráveis à sua rápida propagação. Perante as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera de tempo seco, […]

Dom Rodrigo Mendes e o Milagre da Lua Nova

Uma lenda com mais de 800 anos foi o ponto de partida para três dias de festa em Linhares da Beira. A vitória do exército dos alcaides de Celorico e de Linhares da Beira iluminado pela lua foi o mote para o Dom Rodrigo Mendes e o Milagre da Lua Nova, um evento do ciclo “12 em Rede – Aldeias em Festa promovido pela Associação das Aldeias Históricas de Portugal e pelo Município de Celorico da Beira.

O programa de cariz cultural e gastronómico animou durante 3 dias a Aldeia Histórica de Linhares, a partir de uma das suas lendas e mitos, que constituem o seu riquíssimo património cultural, transmitido de geração em geração.

Se a lenda foi só o pretexto para conhecer Linhares da Beira, houve uma programação bastante diversificada, desde o jantar comunitário, onde a população local e visitantes puderam apreciar os sabores das receitas mais antigas de Linhares preparados pelo Chef Valdir Lubave e Chef António Santos, várias oficinas, como a oficina do pão, teatros de rua e claro que não faltou a Rota dos Sabores pelas adegas espalhadas pela aldeia.

A recriação da Batalha que originou a lenda e o evento Dom Rodrigo Mendes e o Milagre da Lua Nova foi um dos pontos altos da festa. A animação musical fez-se ouvir pela aldeia com os Red Mustang, o grupo de Concertinas “ Os Fidalguinhos e Samuel Úria.

Durante 3 dias, Linhares da Beira regressou ao passado dando a conhecer os saberes, os sabores e as histórias das gentes desta aldeia do concelho de Celorico da Beira.

Galeria Fotográfica

Manuais Escolares Gratuitos

Em conformidade com o disposto no Artigo 194.º da lei do Orçamento de Estado para 2019, no ano letivo 2019/2020 é alargado o regime de gratuitidade dos manuais a todos os alunos que frequentam a escolaridade obrigatória na rede pública do Ministério da Educação.

Para beneficiar da entrega gratuita de manuais escolares os pais/encarregados de educação deverão registar-se na plataforma www.manuaisescolares.pt.
No momento do seu primeiro acesso será solicitada a confirmação do seu número de contribuinte, sendo necessário que os encarregados de educação tenham consigo os seus dados de acesso ao Portal das Finanças para que seja efetuada a sua validação.

Não os tendo e querendo usufruir da plataforma, os encarregados de educação deverão solicitá-los no Portal das Finanças.

A partir da referida plataforma terão acesso aos dados escolares do(s) seu(s) educando(s), aos vouchers correspondentes aos seus manuais escolares e à lista das livrarias aderentes onde poderão ser efetuados os levantamentos dos manuais escolares.

A validação para o levantamento de manuais escolares pressupõe a impressão dos vouchers ou a apresentação dos mesmos em formato digital.

Na impossibilidade de aceder à internet, os pais/encarregados de educação devem dirigir-se à escola onde se encontra(m) matriculado(s) o(s) seu(s) educando(s) e solicitar os vouchers em papel.

Os vouchers relativos aos manuais escolares dos 1.º, 5.º, 7.º, 10.º e 12.º anos só serão emitidos a partir do dia 1 de agosto.

Os restantes anos começaram a ser emitidos a 9 de julho.

Em caso de dúvida contacte, por favor, os canais disponíveis para o efeito (suporte@manuaisescolares.pt ou 302 099 409), ou dirija-se à escola do(s) seu(s) educando(s).

ICNF alarga período de licenciamento de caça ao javali até 30 de setembro de 2019

O ICNF – Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas prorrogou o prazo de licenciamento para as entidades titulares ou gestoras de zonas de caça interessadas em realizar medidas de correção de densidade de javali, até 30 de setembro de 2019.

Refere o Edital N.º 2/2019 que, “considerando a necessidade de continuar a realização de medidas para controlo de efetivos populacionais de javali com vista à prevenção da peste suína africana (PSA) assim como o reforço de medidas para a diminuição de danos causados em culturas agrícolas e florestais, importa promover mais ações de âmbito nacional que conduzam a uma maior eficiência no controlo daquelas populações”.

Batidas

A correção de densidade de javalis pode ser feita pelo processo de espera e ainda de batida com recurso a cães e ou armas de fogo.

Para pedir a autorização devem as entidades titulares ou gestoras de zonas de caça preencher o modelo 1 anexo ao Edital N.º 2/2019, disponível aqui, que deverá ser entregue diretamente nos serviços do ICNF, ou através de uma das organizações do sector da caça de 1.º nível.

 

 

10 MANDAMENTOS DE SOBREVIVÊNCIA PARA OS “FESTIVALEIROS” DE VERÃO

Férias Sociais 2019

A Câmara Municipal de Celorico da Beira vai levar a efeito, de 1 a 5 de julho, as Férias Sociais 2019.

O verão combina com sol, praia, muita água e diversão. Na tentativa de proporcionar momentos inesquecíveis de diversão, desporto e, acima de tudo, de contacto com a água, salgada ou doce, que fazem sempre as delícias de qualquer veraneante, a Câmara Municipal de Celorico da Beira, através dos Gabinetes de Desporto e Ação Social organizou, mais uma vez, as férias sociais, destinadas a crianças e jovens, dos 6 aos 12 anos, oriundos de agregados familiares com fracos recursos económicos.

Espera-os uma semana de intensa atividade lúdico-desportiva, a desenvolver dentro e fora do concelho de Celorico da Beira. Na segunda e quinta-feira, os jovens vão passar o dia à praia fluvial da Aldeia Viçosa. Na terça-feira, as atividades decorrerão nas piscinas do Maçal do Chão. Na quarta-feira terão, certamente, um dia muito divertido no Aquaparque, em Viseu. A semana de férias termina com uma ida à praia de Aveiro, um dos momentos mais aguardados pelos jovens, não só pela praia – água salgada e areia – mas, também, pela confraternização que a viagem proporciona.

Linhares da Beira recebeu Fórum de Desenvolvimento Sustentável

A Pousada do Inatel de Linhares da Beira acolheu, nesta terça feira, o Fórum de Desenvolvimento Sustentável: desafios e oportunidades para os Destinos Alternativos, co-organizado pelas Aldeias Históricas de Portugal com a ADDLAP (Associação de Desenvolvimento Dão Lafões e Alto Paiva), a AEBB (Associação Empresarial da Beira Baixa), a AIRV (Associação Empresarial da Região de Viseu) e o NERGA (Núcleo Empresarial da Região da Guarda), contando ainda com o apoio do Município de Celorico da Beira.

Este Fórum contou com a participação do Presidente da Câmara Municipal de Celorico da Beira, Carlos Ascensão, do presidente da Associação das Aldeias Históricas de Portugal, António Robalo, do presidente do Turismo do Centro, Pedro Machado entre outras entidades que participaram na iniciativa.

Do programa destacou-se a cerimónia de entrega dos certificados Biosphere Certified Company a vinte e duas empresas que operam na área das 12 Aldeias Históricas de Portugal, atribuídos pela Biosphere Responsible Tourism, que garante a qualidade do serviço prestado aos visitantes.

Esta foi uma ação ativa, de diálogo, e pretendeu ser um espaço onde representantes de todos os setores de atividade e da sociedade podem conhecer o plano e as atividades de Sustentabilidade Turística para o território, refere uma nota da organização.